Estudo de Tempos de Liberação de Cargas (Time Release Study) | e.Mix

Definições dos Cookies

Lei Geral de Proteção de Dados

O que são cookie?

Cookies são arquivos salvos em seu computador, tablet ou telefone quando você visita um site. Usamos os cookies necessários para fazer o site funcionar da melhor forma possível e sempre aprimorar os nossos serviços.

Alguns cookies são classificados como necessários e permitem as funcionalidades centrais, como segurança, gerenciamento de rede e acessibilidade. Esses cookies podem ser coletados e armazenados assim que você inicia sua navegação ou quando usa algum recurso que os requer.

Cookies Primários

Alguns cookies serão colocados em seu dispositivo diretamente pelo nosso site - são conhecidos como cookies primários. Eles são essenciais para você navegar no site e usar seus recursos.

Temporários

Nós utilizamos cookies de sessão. Eles são temporários e expiram quando você fecha o navegador ou quando a sessão termina.

Finalidade

Estabelecer controle de idioma e segurança ao tempo da sessão.

Persistentes

Utilizamos também cookies persistentes que permanecem em seu disco rígido até que você os apague ou seu navegador o faça, dependendo da data de expiração do cookie. Todos os cookies persistentes têm uma data de expiração gravada em seu código, mas sua duração pode variar.

Finalidade

Coletam e armazenam a ciência sobre o uso de cookies no site.

Cookies de Terceiros

Outros cookies são colocados no seu dispositivo não pelo site que você está visitando, mas por terceiros, como, por exemplo, os sistemas analíticos.

Temporários

Nós utilizamos cookies de sessão. Eles são temporários e expiram quando você fecha o navegador ou quando a sessão termina.

Finalidade

Coletam informações sobre como você usa o site, como as páginas que você visitou e os links em que clicou. Nenhuma dessas informações pode ser usada para identificá-lo. Seu único objetivo é possibilitar análises e melhorar as funções do site.

Persistentes

Utilizamos também cookies persistentes que permanecem em seu disco rígido até que você os apague ou seu navegador o faça, dependendo da data de expiração do cookie. Todos os cookies persistentes têm uma data de expiração gravada em seu código, mas sua duração pode variar.

Finalidade

Coletam informações sobre como você usa o site, como as páginas que você visitou e os links em que clicou. Nenhuma dessas informações pode ser usada para identificá-lo. Seu único objetivo é possibilitar análises e melhorar as funções do site.

Você pode desabilitá-los alterando as configurações do seu navegador, mas saiba que isso pode afetar o funcionamento do site.

Chrome Firefox Microsoft Edge

Caso queira mais informações sobre os cookies de terceiros acesse:

Google Analytics Hotjar Facebook

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Para entender os tipos de cookies que utilizamos, clique em Definições dos cookies. Ao clicar em Eu concordo, você consente com a utilização de cookies.

Estudo de Tempos de Liberação de Cargas (Time Release Study)

Comex Dashboard FollowNet FollowNet One
Publicado em 18 de agosto de 2020
Compartilhe:
Reading Time: 4 minutes

No que consiste o Estudo de Tempos de Liberação (Time Release Study)?

O Estudo de Tempos de Liberação é uma iniciativa da Secretaria Especial da Receita  Federal do Brasil (RFB), em parceria com a Secretaria de Comércio Exterior (Secex), Agência  Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e O Ministério da Agricultura, Pecuária e  Abastecimento (Mapa), que visa desenvolver um relatório de cunho estratégico para o  segmento de COMEX, conforme a metodologia da Organização Mundial das Aduanas (OMA), Time Release Study.

Essa iniciativa visa a elaborar e disponibilizar ao público informações estratégicas com o intuito de promover maior transparência aos processos relacionados ao Comércio Exterior. As informações coletadas e analisadas durante o desenvolvimento do estudo, foram obtidas a partir de procedimentos de importação iniciados em julho de 2019, com olhar exclusivo para despachos da categoria “Consumo”, excluindo casos de aplicação de regime entreposto nos modais aéreo e marítimo, além do trânsito aduaneiro entre as unidades locais da Receita Federal. A coleta de informações relativas ao modal rodoviário foi restrita aos dois principais pontos de ingresso de mercadorias transportado via este modal.

Por que este estudo é importante?

O processo de importação do País apresenta diversas oportunidades, desta maneira o estudo ajuda no mapeamento de gargalos, trazendo recomendações ligadas a otimização da gestão dos fluxos de importação e das etapas que o compõem.

Compreendendo os fluxos avaliados:

Fluxo 1:Fluxo 2:Fluxo 3:Fluxo 4:
É composto pelas declarações em canal verde e que não necessitam de licenciamento após a chegada da carga no País. Essas declarações representam 87,25% do total estudado;São as declarações em canal verde e que dependem de licenciamento após a chegada da carga no País. Representam 10,42% do total de declarações e está representado no fluxograma pelo tracejado azul;É composto pelas declarações em canal amarelo e vermelho que não dependem de licenciamento após a chegada da carga no País. Do total de declarações estudadas, 2,09% estão neste fluxo;Este fluxo contempla as declarações nos canais amarelo e vermelho que dependem de licenciamento após a chegada da carga no País. Cerca de 0,24% das importações declaradas estão neste fluxo. No fluxograma está representado pelo tracejado vermelho.

 

Fonte: TRS Relatório Executivo

Principais informações colhidas pelo estudo publicado em 2020:

Número de dias por modal:

AéreoMarítimoRodoviário
 5,89,72,3

 

Fonte: TRS Relatório Executivo

  • O tempo médio apurado, considerados todos os modais, foi de 7,4 dias.
  •  Mais de 87% das mercadorias importadas são fisicamente liberadas em menos de 7 dias, contados a partir de sua chegada ao País.
  •  65% do tempo médio total despendido nos processos de anuência da Anvisa não decorre de ações sob responsabilidade do órgão, mas principalmente para o pagamento e a compensação bancária das taxas.
  •  A etapa de desembaraço aduaneiro, de responsabilidade da RFB, responde por menos de 10% do tempo total apurado.
  •  O tempo médio para as importações realizadas sob a modalidade de Despacho sobre Águas é 73% menor que o realizado em outras modalidades.
  •  As ações sob responsabilidade dos agentes privados, notadamente o importador (ou seu preposto – despachante aduaneiro), o transportador internacional e o depositário representam mais da metade do tempo total despendido em todos os fluxos analisados.

Soluções em desenvolvimento

 Após a identificação dos gargalos, o estudo propõe melhorias. No Relatório Executivo do Time Release Study foram listadas 9 soluções em desenvolvimento, sendo elas:

  • O novo controle de carga aéreo, baseado em gerenciamento de riscos intensivo e prevê a redução potencial de até 90% dos casos de intervenção estatal no fluxo físico das cargas.
  • A antecipação das informações de preenchimento de Registro da LI e de Registro da DI, antes da chegada física da carga.
  • O gerenciamento de riscos antecipado e coordenado entre agentes públicos, proporcionará maior agilidade logística e redução da necessidade de armazenamento.
  • Paralelismo entre os controles administrativos e aduaneiros, possibilitando a atuação concomitante dos agentes em janela única de inspeção, reduzindo a necessidade de movimentação de cargas.
  • Pagamento Centralizado de Comércio Exterior no âmbito do Portal Único, serão concentrados e automatizados os pagamentos dos tributos incidentes sobre o comércio exterior, promovendo simplificação e harmonização dos meios de pagamento e eliminando etapas de compensação do pagamento de guias bancárias.
  • O Portal Único possibilitará a eliminação de redundâncias de informações e a simplificação dos processos para os operadores.
  • Integração entre a RFB e os órgãos de controle administrativo em parceria com operadores confiáveis.
  • Antecipação da análise da inspeção de embalagem de madeira pelo Mapa, selecionando as cargas do modal marítimo antes da chegada no País e comunicando ao operador portuário para que efetue a descarga do navio de forma mais eficiente.
  • Simplificação do marco regulatório de todos os órgãos públicos para adesão ao Portal Único, como forma de facilitar o cumprimento das obrigações por parte dos intervenientes privados.

Fonte: TRS Relatório Executivo

Como os softwares da e.Mix podem lhe auxiliar com esses e outros dados similares para estudos de caso da sua empresa?

Os Softwares de Inteligência Artificial Programada Nível 1 da e.Mix, como o FollowNet  One, permitem através de automação, a busca de informações em sistemas externos como, por exemplo, o Mantra e o Siscomex, e a compilação, e centralização dessas informações em  painéis com regras e Dashboards personalizáveis.

A execução de comparações programadas, com a finalidade de detectar não conformidades nos dados, resulta no apontamento de itens de desvio que podem servir como base para a implementação de melhorias.

Assim como realizado no Time Release Study, o FollowNet One consegue mensurar os tempos de seu processo em cada etapa, informando atualizações em tempo real sobre o status da carga. Desta maneira, o software da e.Mix consegue agrupar os mesmos dados que aparecem no Estudo, porém totalmente focados no desempenho da sua empresa.

Ter esses dados em mãos, é um enorme diferencial no que tange a gestão interna de processos e otimização.

Sobre a e.Mix

A e.Mix está há mais de  anos no mercado de desenvolvimento de softwares para empresas de comércio exterior. Nossos serviços gerenciam anualmente milhões de operações de clientes das mais variadas atividades e portes, aumentando a produtividade, assertividade e reduzindo custos.

Saiba mais sobre nossos softwares

Compartilhe:

Márcio Rodrigues

Gerente Comercial
marcio.rodrigues@emix.com.br

Sugira um tema para publicarmos no blog

Para enviar uma sugestão, faça login com seu Linkedin.
Gecex facilita critérios para concessões do Proex
Leia mais
CCT DUe DUIMP FollowNet FollowNet One MantraNet Siscomex Mantra
Funcionalidades do módulo CCT que você ainda não conhecia
Leia mais
CCT DUe DUIMP FollowNet FollowNet One
Principais funcionalidades e benefícios do módulo CCT
Leia mais
O que podemos aprender com o encalhe do navio Ever Given?
Leia mais
arrow-left

Precisa de uma solução personalizada?
Preencha seus dados para retornarmos seu contato.








    São Paulo • +55 11 2122 0219
    Santos • +55 13 4062 9577
    Campinas • +55 19 4062 8962
    Rio de Janeiro • +55 21 3005 2073
    Curitiba • +55 41 2626 1437
    Porto Alegre • +55 51 2626 4231
    logo-footer
    logo 23 anos
    Rua Barão de Jaguara, 707, 3º Andar, Centro - Campinas/SP
    Deus seja louvado - Valores Virtuosos e.Mix
    Propósito: Contribuir para o sucesso com soluções inovadoras, transformando vidas e fortalecendo as relações.
    Valores: Amor, Comprometimento, Ética, Excelência, Inovação, Respeito.
    1997-2021 | e.Mix - Todos os direitos reservados | Política de Privacidade
    Elleven