Sistemas geram agilidade em importação e exportação

Soluções desenvolvidas por empresa brasileira de software atuam na gestão das operações de comércio exterior com mais agilidade. O uso da tecnologia no mercado de […]

Sistemas geram agilidade em importação e exportação

Soluções desenvolvidas por empresa brasileira de software atuam na gestão das operações de comércio exterior com mais agilidade.

O uso da tecnologia no mercado de comércio exterior tem contribuído muito para o aumento da produtividade e da agilidade nas importações e exportações no cenário brasileiro. Prova disso são os dados divulgados recentemente: o Brasil subiu 33 posições no ranking de comércio exterior do relatório Boing Business.

Um fator que também contribui para essa ascensão é a utilização de sistemas para a automatização com Inteligência Artificial (IA), que diminuem ou excluem etapas durante o processo. O resultado é o aumento na produtividade, tanto na importação quanto na exportação.

E para atender a essa demanda do mercado de comércio exterior, empresas brasileiras têm investido, cada vez mais, em utilizar soluções de alto índice de eficiência. A e.Mix, há anos, automatiza diversos serviços para o setor. O principal objetivo é oferecer soluções inovadoras em tecnologia para ampliar resultados concretos.

O gerente comercial da e.Mix, Marcio Rodrigues, explica que essas soluções, que substituem as consultas manuais ao Siscomex (Programa Portal Único de Comércio Exterior), por exemplo, possibilitam o controle e o acompanhamento de um maior número de importações e exportações. “Os sistemas da e.Mix se baseiam nessa evolução para melhorar o processo e apresentar ganhos efetivos aos nossos clientes”, garante.

Além disso, a e.Mix também acompanha continuamente o cliente desde a implementação inicial, realizando análises da utilização dos serviços e reuniões mensais para propor melhorias, até treinamentos e ajustes nos procedimentos. “Esse é o nosso programa de melhoria contínua para que os ganhos sejam mantidos e ampliados.”, comenta.

Entre as vantagens oferecidas pelos softwares desenvolvidos pela e.Mix, estão, principalmente, a agilidade, maior produtividade, acompanhamento dos produtos em tempo real, menos papel e controle do fluxo dos processos. “Quem trabalha com comércio exterior sabe que todos os trâmites são muito burocráticos. Nosso sistema é totalmente desburocratizado e garante uma redução drástica nas horas em cada processo. Hoje, nosso cliente consegue fazer em minutos o que antes ele levava horas para fazer”, enfatiza Rodrigues.

Atualmente, 76% dos maiores agentes de carga do mundo utilizam as soluções desenvolvidas pela e.Mix em suas operações. Empresas como CEVA, C.H. Robinson, DAMCO, DSV, GEODIS, Panalpina, Kuehne+Nagel, entre outras (saiba mais em Clientes).

Além dos agentes de carga empresas como Andrade Gutierrez, Positivo entre outras (saiba mais em Clientes), também beneficiam-se de nossos softwares e expertise.

Sobre a e.Mix

A e.Mix está há mais de anos no mercado de desenvolvimento de softwares para empresas de comércio exterior. Nossos softwares gerenciam anualmente milhões de operações de clientes das mais variadas atividades e portes, aumentando a produtividade, a assertividade e reduzem os custos.

Saiba mais sobre nossos softwares.

Veja também
Gestão de relacionamento com fornecedores: estratégias para construir parcerias duradouras
Gestão de relacionamento com fornecedores: estratégias para construir parcerias duradouras

O sucesso de uma empresa depende da qualidade e da eficiência de suas relações com fornecedores. A gestão de relacionamento com fornecedores não é apenas sobre negociar contratos; é também sobre construir parcerias estratégicas que impulsionam o crescimento mútuo e a sustentabilidade a longo prazo. Para qualquer empresa, desenvolver um sistema robusto para gerenciar essas relações é crucial para manter a competitividade e garantir a qualidade dos produtos importados.

Neste artigo, exploraremos estratégias fundamentais para fortalecer o relacionamento com fornecedores. Vamos discutir como a adoção de uma abordagem proativa pode transformar a gestão de fornecedores em um diferencial competitivo para sua empresa no mercado global.

Leia mais
Como preparar sua empresa para auditorias aduaneiras
Como preparar sua empresa para auditorias aduaneiras

Auditorias aduaneiras são uma realidade inevitável para empresas envolvidas em atividades de importação e exportação. Estas inspeções são essenciais para garantir a conformidade com as leis e regulamentos locais e internacionais. Ser pego despreparado durante uma auditoria aduaneira pode resultar em penalidades significativas, atrasos nas operações e danos à reputação da empresa. Portanto, estar bem preparado não é apenas uma medida de precaução; é uma estratégia crucial para manter a eficiência e a integridade dos negócios.

Este artigo detalha como as empresas podem se antecipar, se preparando para enfrentar auditorias aduaneiras com confiança. Desde compreender o que esperar em uma auditoria até implementar sistemas robustos de documentação e treinamento de equipe, exploraremos as melhores práticas que ajudam a garantir que sua empresa esteja sempre pronta para demonstrar sua conformidade. Ao adotar uma abordagem proativa ao manter dados e documentos organizados, as empresas podem transformar auditorias aduaneiras de potenciais ameaças em oportunidades para reafirmar seu compromisso com a excelência operacional.

Leia mais
Entreposto aduaneiro: O que é e como funciona e qual sua vigência?
Entreposto aduaneiro: O que é e como funciona e qual sua vigência?

De acordo com o Art. 404 do Regulamento Aduaneiro, o entreposto aduaneiro é definido como um regime especial que pode ser usado tanto na importação como na exportação. Ele serve para que as empresas possam armazenar suas mercadorias realizando a liberação junto à RFB com um prazo maior do que o habitual ou até efetuar a retirada das mercadorias de forma parcial. 

Dessa maneira, o entreposto possibilita a suspensão dos impostos até que todas as etapas sejam finalizadas, no caso da importação e da exportação. Dependendo de cada caso, algumas das vantagens destes regimes estão na possibilidade de as empresas aprimorarem seus planejamentos logísticos e reduzirem os custos das operações. 

Leia mais